Arquivo mensal Setembro 2017

Construção da Igreja e Centro Paroquial: Juntos vamos conseguir!

Último saldo publicado da conta da construção:  96.614€.

Entretanto, o Jantar Africano, ideia e oferta do casal angolano Paulo Soma e Mabi Soma, rendeu 769€. Para eles, vai o nosso aplauso e gratidão e para todos os que com eles colaboraram, quer outros angolanos amigos, quer pessoas da paróquia.

De elos, recolheu-se 330€; de rifas, 732,50€; anónimos 45€; Arlindo Rosa, 5€; Atelier do Tempo e do Saber, 255€ (vendas na festa de S. João Baptista de alguns dos seus trabalhos); da Pastoral da Partilha da paróquia, entrou na conta da construção 1.249,50€e assim cantamos um TE Deum, pois chegámos aos 100.000€.

Graças a Deus e a todos os que têm colaborado com amor e paixão para esta causa! Estávamos em 50.000 quando realizámos o jantar de angariação de fundos no Hotel D. Luís a 30 de setembro. Levámos 9 meses a arranjar 50.000 euros, pois não temos donativos de empresas, mas apenas a boa vontade de muitos que dão segundo as suas posses. Mas que Deus permita que andemos agora mais depressa.

Mas juntos conseguimos!

Vamos a isto! Juntos Conseguimos!

 

NIB da conta de construção do centro paroquial e igreja de S. João Baptista de Coimbra:

  NIB: 0035 0623 0000 1850 1304 3

Ateliê do Tempo e do Saber

Vai ganhando consistência o Atelier do Tempo e do Saber na nossa paróquia.

Funciona às terças-feiras das 14H30 às 18H00 e é gratuito. Há belas aulas de pintura das 14H30 às 16H30. Há aulas de bordados e ponto de renda. E já há obra feita. Mas são sempre bem-vindas outras pessoas. Há sobretudo muita amizade, alegria e partilha. Um ambiente bem descontraído.

Venha ver e inscreva-se neste atelier das terças-feiras.

Nas festas de S. João, serão expostos para venda os artigos confecionados e o produto reverterá para a construção da Igreja.

Fazemos ainda velas para baptismo e lembranças para casamentos.

Torne-se voluntário da Paróquia de S. João Baptista! 

Peregrinação à Terra Santa (Madalena Sousa)

De 1 a 8 de Setembro, sob a orientação bíblica, teológica e espiritual do Sr. Bispo de Coimbra, D. Virgílio Antunes e sob a organização do Sr. Padre Jorge Santos, a Paróquia de S. João Baptista realizou uma peregrinação à Terra Santa, em que participaram 53 pessoas, que puderam visitar os lugares para sempre ligados à vida de Jesus, desde a Sua Incarnação no seio de Maria até à descida do Espírito Santo no Cenáculo.

Para quem pôde fazer esta experiência, pode-se dizer que foi um privilégio e um tempo especial de graça do Senhor que vai perdurar na memória de quantos a puderam viver. De facto, foi indescritível a emoção de testemunhar ao vivo o silêncio eloquente do lugar da Anunciação e a pobreza já antes imaginada da gruta de Belém.

O silêncio e a calma que envolveram a travessia do mar da Galileia, seguida da passagem por Cafarnaúm e pela igreja do Primado de Pedro contribuíram para ajudar a visualizar Jesus a chamar os discípulos, a ensinar, a perdoar, a curar, a sustentar a Sua obra messiânica com os milagres que realizava e a confirmar Pedro como chefe da Igreja.

Em Jafa e Cesareia foi possível perceber o contexto da atividade missionária de Pedro e dos discípulos referida nos Actos dos Apóstolos

Até a passagem pela aridez do deserto que envolve Jericó permitiu entender melhor as passagens bíblicas que referem o contexto das tentações de Jesus, a parábola do Bom Samaritano ou a austeridade de vida de João Baptista.

A subida ao Monte Tabor, que não se imaginava tão íngreme, contribuiu para entender melhor o esforço quotidiano para elevar a vida cada vez mais para Deus fazendo caminho interior para O encontrar no mais profundo de cada um de nós.

A adoração eucarística feita à noite no Getsémani foi também um dos momentos altos desta peregrinação, mas a Via Sacra na Via Dolorosa, a visita ao Calvário e ao Santo Sepulcro foram os aspetos mais marcantes para muitos dos peregrinos.

As leituras bíblicas alusivas aos acontecimentos ligados a cada um dos lugares visitados, bem como os ensinamentos e comentários feitos pelo Sr. Bispo e pelo P. Jorge sempre complementaram e enriqueceram muito a informação dada pelo guia.

Igualmente a oração, os cânticos, as homilias e a Eucaristia diária celebrada em lugares como Caná, o Monte das Bem – Aventuranças ou o Monte das Oliveiras foram momentos especiais de graça.

Teve-se ainda a dita de passar em Qumran e perceber, no contexto bíblico, o valor imenso dos chamados manuscritos do Mar Morto. E como este era mesmo ali ao lado, alguns ainda puderam fazer a experiência única de boiar nas suas águas.

A peregrinação concluiu-se com a visita aos museus de Israel e do Holocausto.

Fotos Peregrinação Terra Santa

Fotos do Ricardo Gaspar
(Tabém disponíveis aqui e aqui e aqui)

Jantar de apresentação Percurso Alpha – 22 de Setembro

Será na sexta-feira, aqui na paróquia de S. João Baptista,  o jantar «Vinde e vede» para a apresentação do percurso Alpha.

Ponha na sua agenda e convide um amigo. Este terá o seu início a 4 de outubro, excecionalmente a uma quarta-feira, mas todos os outros dias será à sexta-feira.

Alpha é uma série de sessões que exploram a Fé Cristã, habitualmente durante 11 semanas. Cada tema aborda uma questão diferente sobre Fé e é projectado para suscitar diálogo. Alpha é feito em todo o mundo e todos são bem vindos. É feito em cafés, igrejas, universidades, etc… Não há dois Alphas iguais, mas todos têm algo em comum: comida, um tema e boa conversa.

 

Inscrições abertas!

Peregrinação à Terra Santa

1º DIA – COIMBRA /LISBOA / TEL AVIV
Em hora e local da determinar saída em direção ao aeroporto de Lisboa. Assistência
nas formalidades de embarque e partida com destino a Tel Aviv, via uma cidade da
Europa. Chegada ao aeroporto de Ben Gurion, transporte ao hotel e alojamento.
2º DIA – Tel Aviv / Jaffa / Cesareia / Haifa / Caná / Nazaré
Pequeno-almoço no hotel. Saída para Jaffa (antiga cidade de Joppe). Visita da
Igreja de S. Pedro e do Bairro dos Artistas, onde se encontra a Casa de Simão o
Curtidor. Saída em direção a Cesareia, antiga Capital Romana, visita do Anfiteatro
e aqueduto romano. Prosseguimento até Haifa, subida ao Monte Carmelo, visita da
Gruta de Elias e Convento de Stella Maris. Almoço. Saída para Caná da Galileia,
local do primeiro Milagre de Jesus. Continuação da viagem até Nazaré. Chegada,
jantar e alojamento no hotel.
3º DIA – NAZARÉ / TIBÉRIADES / MONTE TABOR / NAZARÉ
Pequeno-almoço no hotel. Saída para a região de Tabgha para visita da Igreja da
Multiplicação dos Pães e dos Peixes e da Igreja do Primado, subida ao Monte das
Bem-Aventuranças. Continuação da viagem para Cafarnaum. Visita da Sinagoga e
Casa de S. Pedro. Travessia de barco no Lago Tiberíades. Almoço. Paragem junto
ao Rio Jordão, local do batismo de Jesus. Continuação da viagem para o Monte
Tabor, lugar da transfiguração de Jesus. Regresso a Nazaré. Jantar e alojamento
no hotel.
4º DIA – NAZARÉ / JERICÓ / MAR MORTO / QUMRAM / JERUSALÉM
Pequeno-almoço no hotel. Visita dos locais ligados à Sagrada Família; Basílica da
Anunciação, Igreja de S. José. Continuação para Jericó, almoço e breve visita.
Prosseguimento em direção ao Mar Morto, tempo livre para banho nas águas
salgadas. Visita de Qumram, onde foram encontrados os famosos manuscritos do
Mar Morto. Visita do Museu e ruínas da antiga comunidade essénia. Continuação
para Jerusalém. Chegada, saudação à Cidade Santa. Instalação no hotel e jantar.
5º DIA – JERUSALÉM / EIN KAREN / BELÉM / JERUSALÉM
Pequeno-almoço no hotel. Saída para Ein Karen. Visita da Igreja de São João Baptista
e do Santuário da Visitação. Continuação da viagem para Belém. Almoço. Visita da
Basílica de Santa Catarina, Gruta da Natividade, grutas de S. José e S. Jerónimo.
Visita ao Campo dos Pastores. Regresso a Jerusalém. Jantar e alojamento.
6º DIA – JERUSALÉM
Pequeno-almoço no hotel. Saída para a Igreja de Santa Ana (local da Natividade
de Maria) e piscinas Probáticas. Início da Via Dolorosa. Visita das Capelas da
Flagelação e Condenação, com os Litóstrotos e o Arco Ecce-Homo. Percurso da Via
Dolorosa até ao Calvário e Santo Sepulcro. Almoço. Visita do Monte Sion com a
Igreja da Dormição da Virgem, a Sala da Última Ceia (ou Cenáculo), o Túmulo do
Rei David e a Igreja de São Pedro in Galicantu. Visita do Bairro Judeu, passando
pelo Cardo Máximo (antiga rua romana) até ao Muro das Lamentações. Regresso
ao hotel e jantar e alojamento.
7º DIA – JERUSALÉM
Pequeno-almoço no hotel. Saída em direção ao Monte das Oliveiras. Visita ao templo
da Ascensão, Gruta do Pai-Nosso, Igreja Dominus Flevit e Getsemani com o Jardim
das Oliveiras, a Basílica da Agonia, o túmulo ortodoxo da Virgem e a Gruta da
Traição. Almoço. Visita do Museu Yad Vashem. Passagem pela cidade nova para
admirar a Knesset, o Museu de Israel com a maqueta da cidade de Jerusalém como
se encontrava no tempo de Jesus. Jantar e alojamento.
8º DIA – JERUSALÉM / TEL AVIV / LISBOA / COIMBRA
Transporte ao aeroporto. Assistência nas formalidades de embarque.Partida para
Lisboa via uma cidade da Europa. Chegada a Lisboa e regresso a Coimbra.

Preços:
Preço por pessoa em quarto duplo: ……………………..………..1.535,00€
Suplemento de quarto individual ……………………..…………….. 450,00€
O Preço Inclui:
– Passagem aérea no percurso de Lisboa / Bruxelas / Tel Aviv / Bruxelas / Lisboa, com
taxas;
– Estadia no hotéis de classe turistica;
– Regime de pensão completa, desde o pequeno-almoço de segundo dia ao jantar do
7º dia;
– Acompanhante da agência durante todo o percurso;
– Circuito em Israel com autocarro de turismo;
– Guia falando português ou espanhol;
– Entradas pagas conforme descrição do programa;
– Seguro de Multiviagens VIP com CIV;
– Transfer de Coimbra ao aeroporto e regresso;
– Gratificações;
O Preço não Inclui:
– Serviços não mencionados no programa;
– Extras de carácter pessoal;
– Bebidas.
NOTA:
Os preços foram calculados com base na taxa de câmbio à data da emissão
do presente programa de 1 Euro = 1,10 USD (Dolares Americanos), podendo
vir a ser alterados em caso de flutuação de mercado.

Paróquias de S. José e S. João Baptista irão formar Unidade Pastoral com o Pe. Jorge e o Pe. Filipe Dinis

Chama-se Unidade Pastoral a duas ou mais paróquias que têm o mesmo pároco ou a mesma equipa de padres a trabalhar em conjunto e que, respeitando a identidade própria de cada paróquia, caminham no sentido de realizar uma pastoral comum, poupando, assim, recursos huma-nos e tempo.

A forma a adotar dessa Unidade Pastoral será algo que a prática pastoral mostrará na escuta permanente da voz do Espírito que se revela nas orientações da Igreja Diocesana e na reflexão das comunidades paroquiais, através das suas equipas de animação pastoral, Conselhos Pastorais e outras instâncias de comunhão eclesial.

O P. Filipe Diniz, que vem trabalhar com o pároco, como vigário paroquial, é um jovem e simpático sacerdote, de 35 anos, que tem sido o diretor do Secretariado de Pastoral Juvenil e Assistente do CNE. Há dois anos que é também pároco de todo o concelho de Miranda do Corvo com o P. Fileno, que já conhecemos.